Livro: Auggie & Eu

12:02


Hey guys!
Tudo bem com vocês?

O post de hoje é uma resenha que já devia ter saído a bastante tempo porque já terminei faz uns 2 meses esse livro haha mas me enrolei toda  aqui, desanimei com o blog, enfim. O que importa é que agora I'M BACK mores haha e recebi um incentivo bem legal essa semana *-*
Anyway, voltando ao assunto, Auggie & Eu é mais um livro amorzinho sobre Extraordinário. Eu digo sobre porque ele não é uma continuação (ao contrário do que muita gente acha) e a autora deixou bem claro que ele não terá uma sequência :/ mas o livro é tão fofinho quanto Extraordinário e acho que vale super a pena ler!

Detalhe para o meu Darth Vader que ganhei de aniversário e estou apaixonada *-*

Sinopse: A história de Auggie Pullman, o menino de aparência incomum que tem encantado milhares de leitores desde o lançamento do romance Extraordinário, em 2013, ganha agora novas perspectivas: Julian, Christopher e Charlotte, personagens da vida de Auggie, narram nos três contos reunidos no livro Auggie e eu seus encontros e desencontros com o amigo extraordinário.O capítulo do Julian dá voz a um personagem controverso: o menino que liderava o bullying contra Auggie na escola. Enfim temos a oportunidade de entender o que o levou a agir dessa forma e o que Julian pensa das próprias ações. Em Plutão, o narrador é Christopher, o primeiro amigo de Auggie. Os dois meninos compartilham lembranças da infância e, apesar de terem se distanciado, aprendem que boas amizades sempre valerão um esforcinho a mais. Shingaling mostra Auggie pelos olhos de Charlotte, a única menina entre as três crianças escolhidas para apresentar a Auggie sua nova escola. Com ela entramos no universo das garotas e vemos como a chegada de Auggie afetou as relações entre elas.
Para quem sente saudades do menino cativante de feições e personalidade extraordinárias e tem curiosidade em saber mais sobre sua história, Auggie & eu é um verdadeiro presente.


O livro é dividido em três partes como diz na sinopse: O primeiro deles é O Capítulo do Julian, onde o Julian conta a sua visão dos problemas que ele teve com o Auggie na escola. O sofrimento dele pensando que ele era uma pessoa má e quando ele perdeu todos os seus amigos. A influência dos seus pais em toda essa história. Eu achei super bacana saber a versão do Julian dos fatos e ver que ele não é uma criança desalmada e sem coração haha. Julian também nos ensina umas lições importantes, pois é através das coisas ruins que aconteceram com ele que o levaram a ser uma pessoa melhor. 


O segundo livro chama-se Plutão e é o livro de Cristopher, o melhor amigo de Auggie antes de ele ir para a escola. Também amei esse livro porque falou-se tão pouco sobre ele em Extraordinário e aqui ele fala sobre a sua amizade e relação com o Auggie, sobre o fato de terem crescido juntos e a aparência dele nunca o incomodou, sobre as mudanças e o afastamento deles ao longo do tempo, como as famílias eram amigas e se ajudaram nas inúmeras vezes em que Auggie esteve no hospital, enfim, é uma relação super bonita entre as famílias e cada vez mais rara nos dias de hoje. 


Por fim, o último livro, Shingaling, é narrado por Charlotte. Ela ajudou muito o Auggie nos primeiros dias e em sua adaptação na escola e sempre foi muito compreensiva com ele e disposta a auxiliar no que ele precisasse. Neste livro mostra que ela fez isso de coração mesmo, não por se sentir na obrigação ou algo assim (como Julian haha). O livro de Charlotte deixa de focar tanto na sua relação com o Auggie e foca também nas suas amizades (algumas secretas haha). Porque o nome do livro dela é Shingaling? Só lendo pra saber haha (spoiler não!)
Apesar de não ser uma continuação do livro, ele se parece muito com uma haha. Ele tem o mesmo estilo de escrita de Extraordinário, mostrando vários pontos de vista. Acho que quem leu e gostou de Extraordinário, com certeza vai amar essa versão também. 


Esse livro me emocionou muito em algumas partes, principalmente no Capítulo do Julian que me deixou muito tocada e triste por conhecer a versão dos fatos pelo lado dele. R.J. Palacio foi incrível em escrever esse livro, pois assim ela mostrou os dois lados da história e que nem sempre as coisas são como parecem ser. 
A diagramação é do jeito que eu gosto, com folhas amareladas e letras de um tamanho agradável para a leitura. A identidade visual é uma graça e fica lindo na estante haha (sempre olho essas coisas, coisa de designer). A leitura é divertida e fluida, o que faz com que se leia muitas páginas sem se cansar (li super rápido). 
Enfim, recomendadíssimo! Vale super a pena ler e se emocionar com mais um pedacinho da história desse menino extraordinário chamado Auggie. Já estou contando os dias para ver o filme *-*

E vocês, já leram? Se identificam com a história? Me conta tudo nos comentários!

Kisses

Cês acham legal avaliar o livro assim? 5 luas cheias é a nota máxima <3 Me conta aí!


Você também poderá gostar de:

10 comentários

  1. Oi Aline! Minha irmã ganhou o Extraordinário de aniversário e eu tô doida pra roubar dela kkkkk essa história, que não é continuação, parece ser muito fofa, eu que julgo livro pela capa, amei asiuhasiuash

    Peixinhos na bochecha!
    Talo de Maçã
    Canal Vezes2

    ResponderExcluir
  2. Eu nunca li Extraordinário (já tô aqui vendo sua resenha sobre) mas amei o design desse livro :O que desenhos fofos! Gosto quando o livro dá oportunidade para outros personagens falarem sobre suas visões, como é o caso desse... me interessei! Confesso que xonei no seu Darth Vader também, hehehehe! Bjs ♥

    https://eueminhaestupidez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu li Extraordinário e amei, fiquei bem animada com essa resenha porque parece ser muito legal mesmo! Achei que o livro seria um pouco chatinho, mas ele parece lindo por dentro também hahaha

    Mal posso esperar para ler. Beijos :*
    http://ohamoramia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Extraordinário é um livro amorzinho e estou super curiosa pelo filme, mas não conhecia esse. Gostei da dica e fiquei curiosa para lê-lo.

    ResponderExcluir
  5. Oi Aline, tudo bem? Vi muitas pessoas indicando o livro Extraordinário mas não soube o enredo até ser lançado no cinema. São tantos livros que damos mais atenção a uns do que outros. Enfim... a história é muito linda e triste ao mesmo tempo. O que mais me chama a atenção nas histórias quando leio é a mensagem que elas transmitem. Conforme fui lendo sua resenha pensei realmente que era "continuação" rs Mas se o autor disse que não vamos aceitar né haha Também gosto muito de livros com páginas amarelas parece que a leitura flui melhor. Ótima indicação. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  6. Ai que livro mais lindinho! Amei essa arte! <3
    Eu ainda não li Extraordinário (acho que sou a única), mas imagino que a história seja bem tocante, e esse livrinho também parece bem sensível. Pretendo ler ainda.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Eu ainda não tive oportunidade de ler Extraordinário, infelizmente, mas já ouvi falar demais e estou ansiosa pelo filme! Sempre via esse livro por aí e não saia qual era exatamente a ligação dele com o Extraordinários, então foi bem informativo ler a sua postagem!
    Literalize-se

    ResponderExcluir
  8. Oi Aline!!! Extraordinário é um dos meus livros favoritos da vida, do tipo que eu quero que o mundo conheça! ehehe Se gerar um pouco de empatia em cada um que leia, já será um grande avanço para a humanidade! <3
    Adorei saber mais sobre Auggie e Eu, ainda não tenho esse volume e só sei agora que: preciso! eheheh Gosot muito da narrativa alternada do livro principal e acho que deve ser muito interessante ver os pontos de vista de outros personagens. Como diria o diretor da escola, quase sempre uma história tem dois lados! <3 Adorei a resenha! <3
    xoxo

    ResponderExcluir
  9. Extraordinário é aquele livro que todo mundo deveria ler. É uma lição sem fim.
    Estou bem curiosa com esse livro e com tua resenha, fiquei bem mais.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Oi xará!
    O livro é muito fofo visualmente, eu ainda não li Extraordinário e não sei quando lerei. Mas esse também parece ser fofo, quando ler o outro também vou ler esse! O estilo da ilustração é um amor né?
    bjs

    ResponderExcluir

.